Proposta do CCBV é aprovada durante a VI CBM

 

A VI Conferência Brasileiros no Mundo (CBM) iniciou seus trabalhos, na última quarta-feira, dia 23, com a avaliação e as perspectivas futuras do Conselho de Representantes de Brasileiros no Exterior (CRBE), que está completando dez anos de atuação. O grupo debateu seu funcionamento interno e estrutura, associativismo e parcerias. Foi, então, apresentada proposta de mudança do regimento interno do CRBE, pelo CCBV e pelo Conselho de Cidadãos Brasileiros do Porto, que foi aprovada.

Outras duas importantes propostas foram aprovadas pelos porta-vozes dos conselhos pelo mundo, relacionadas ao funcionamento e futuro do CRBE:

  1. Planejamento Estratégico, que delineou as áreas que precisam de maior concentração de esforços para reduzir os obstáculos na conquista dos objetivos do CRBE e da comunidade emigrada, como questões sociais, negociação política e financeira.
  2. Criação de um Conselho Consultivo, que será formado por pessoas que contribuíram com o CRBE nesses seus dez anos de história para serem parceiros e conselheiros das ações e iniciativas do grupo.

À noite, os conselheiros se reuniram em uma sessão sobre os desafios da mulher brasileira imigrante. Porta-vozes de diferentes países contaram suas experiências em relação às dificuldades que as mulheres de suas comunidades enfrentam e como ações de conselhos e consulados contribuem no auxílio a elas.

Por exemplo, em Zurique, na Suíça, foi organizado um evento com foco nas dificuldades das noras brasileiras com as sogras suíças que buscou trazer luz à mensagem sobre a importância do respeito às diferenças entre as culturas.

A porta-voz do Conselho de Cidadãos Brasileiros dos Emirados Árabes compartilhou as dificuldades que eles encontram para realizar eventos para as mulheres brasileiras, devido às leis que regem o país.

Em Londres e em Barcelona, mulheres vítimas de violência doméstica têm códigos para comunicar que estão enfrentando dificuldades, sem que o parceiro saiba que o estão denunciando.

A VI CBM segue até esta sexta-feira, dia 25, e a coordenadora-geral do CCBV, Denise Frizzo, participa do evento levando consigo as demandas da comunidade brasileira em Victoria.

A transmissão do evento pode ser acompanhada ao vivo aqui.

 

 

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *